Certeza - Autor: Gilberto Vaz de Melo


Gilberto Vaz de Melo

Quero-te como quero em todas as manhãs
O vento frio penetrando em meu quarto
E despertando-me em sensação de saudade.
Quero-te como quero um jardim constante
Exalando dos meus poros
O odor da vida e da perpetuidade.
Quero-te como o impossível preso em minhas mãos
Para fazer de ti o motivo eterno de meus sonhos.
Quero-te como quem quer somente para si,
O abraço maior de todas as emoções.
Quero-te assim, acordando-me sempre
Deste meu sonho, em sua breve chegada.


Do Livro Coletânea Gilberto Vaz de Melo "Versos Intemporais"

E-mail do Autor: Gilberto Vaz de Melo


(Repasse com os devidos créditos)
 
















*Laur@´s Poesias



Gostou desta Página?
Recomende para um Amigo.
CLIQUE NA IMAGEM PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!


Voltar para Poesias 4


|| Home Page || Menu Principal || Menu das Poesias ||






Get a MIDI Plug-in

Imagem: Josephine Wall
Midi: Acercate - Site Rene Ramos




Editada: 13/01/2006