Suzana Motta


Chore menina,
mesmo que seja de alegria. 
Não tenha medo, nem vergonha,
de expor seus sentimentos.

Viva-os...
Um a um.
Sinta-os.
Deixe que eles a envolvam,
acalantem seu sorrir, seu penar.
Vibre com cada emoção,
não deixe simplesmente,
a vida passar...

Olhe em volta,
olhe para dentro, e diga:
Eu sinto.
Eu me exponho.
Eu estou VIVA !!!!...


(Repasse com os devidos créditos)
Poesia exclusiva do site

 








*Laur@´s Poesias




Voltar para Poesias 3


|| Home Page || Menu Principal || Menu das Poesias ||


 

Gostou desta Página?
Recomende para um Amigo!
CLIQUE NA IMAGEM PARA RECOMENDAR A PÁGINA!


Get a MIDI Plug-in


Revisão de Texto: IZA/Imagem Free, retirada de site Erótico
Webmaster & Design Iraima Bagni/Copyright © 1999  *Laur@´s Poesias®.
Todos os direitos reservados.

Editada em:14/07/2001