Tantas mãos fortes já seguraram as minhas,
mas tuas mãos calejadas foram tão verdadeiras.
Quantas vezes, eu criança, busquei-as, confiante,
pedindo tua ajuda e a segurança em qualquer hora.
Hoje, contemplo na memória as vezes que seguraste
e com carinho de pai, aqueceste minhas mãos pequenas.
Tornei-me forte, papai e, mesmo na saudade, sigo alegre com essa lembrança feliz que me acompanha pela vida.
Em prece agradecida, ainda busco tuas mãos de pai!

Ir. Zuleides Andrade
Texto  exclusivo do Site
(Repasse com os devidos créditos)
 








|| Voltar para Pequenas Mensagens ||



|| Home Page || Menu Principal || Menu das Poesias ||




Gostou desta Página?
Recomende para um Amigo!
CLIQUE AQUI PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!



Get a MIDI Plug-in

Midi: Gospel Midi Music

Imagem Digital Ir. Zuleides - Mãos do Pai e Filha:
Cóbi Carvalho e Liz a nossa "Menina Querida"

Editada: 04/08/2004