Uma Lenda Romântica
Heron



Numa aldeia indígena,
à beira de um caudaloso rio,
bem antes  da linguagem escrita,
nascera um indiozinho formoso e
diferente de todos,
era um Ser especial...

Crescido,
tornou-se um grande guerreiro,
valente, cortez, altivo e sensível.

Em noites de Luar, 
estático ficava à beira das águas
Mirando a Lua, 
como sua amada que era.

Declamava seus versos 
fitando nas águas, 
sua Lua querida,
seu amor distante,
reflexo  presente...

Quando nuvens passavam,
sua amada sumia,
ele chorava.

Acendia fogueiras,
seu ritual fazia,
sua dança dançava... 
ela aparecia.

Amava assim, mesmo distante,
feliz se sentia.
Até que o Grande Pai
sensibilizou-se e o 
encontro se deu.

A Lua distante tornou-se presente.
Os dois se amaram 
por noites e dias
e a Lua se foi 
e ele... 
ele morreu. 

Deixaram, porém, 
nas águas do rio o fruto do amor.
Nasceu Iraima, filha  da Lua

Hoje ela encanta 
com suas poesias,
poemas de amor...

Das águas do rio 
veio prá Net Filha da Lua, 
fruto de amor,
resplandece prá todos

Senti tudo isso 
na Página da Net... muita poesia, 
romantismo sem fim... 


12
/12/2000
(Direitos autorais reservados)

    Obrigada Heron, amei o carinho ;o)
                          Iraima






*Laur@´s Poesias

 

Pequenas Mensagens


|| Home Page || Menu Principal || Menu das Poesias ||



 

Gostou desta página?
Recomende para um Amigo(a)!

CLIQUE AQUI PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

 



Get a MIDI Plug-in

 


Sobreposição de 2 Photo Autorizada por: Jim Warren    "The art of Jim Warren"

 


Página editada em: 23/06/2001