Resposta a um Lamento

 

Resposta a um Lamento

Iraima Bagni
(*Laur@)



Mãe, enxugue essas lágrimas
Não lamente a cruz que lhe dei.
Ela é leve e você é forte,
sei que a pode carregar.

Nas horas mais tristes
Lembre-se de mim.
Você não me vê, mas estou ao seu lado.

No seu caminhar terreno
dei-lhe uma prova, que lhe faz chorar
Mas, para amenizar esse sofrimento
Coloquei alegrias no seu caminhar.

Olhe ao seu lado e me diga... o que vê?
Só percebe aquele que lhe faz chorar?
E aqueles que lhe fazem sorrir,
seu companheiro, sua família,
os amigos que estão ao seu lado,
que também precisam de você.
Você lhes dá atenção?

Não esqueça,
Coloquei-os em sua vida
para que sejam o bálsamo
que irá lhe sustentar.

E aquele filho, por quem tanto chora,
E não sabe como ajudar...
Continue o que está fazendo...
"Não deixe nunca de orar."

E quando você menos esperar
Um anjo o trará de volta à vida,
aos seus braços... à família.
E ele, mais forte, irá encontrar
a estrada certa que deverá caminhar.


Iraima Bagni - Niterói 11/09/01

(Repasse com os devidos créditos)

(Com carinho para minha amiga  A.M.W )

 






Voltar para Mensagens 1



||
Home Page || Menu Principal || Menu das Poesias ||




Envie esta Página para um Amigo(a)!
Clique na imagem abaixo.




Get a MIDI Plug-in


Revisão de Texto: IZA/Imagens: WebShots e PrintArtist Premium
Webmaster & Design Iraima Bagni/Copyright © 1999 &2001 *Laur@´s Poesias®.Todos os direitos reservados.


Página editada em:26/10/2001