Lêda Mello
 
 
"Não é menor o coração que a alma
Nerm melhor a presença que a saudade
Se te amar é divino, e sentir calma..."
 
(Vinícius de  Moraes - Soneto da Contrição)
 
 
 
Saudade é ter presente uma ausência,
Pulsar, no peito, uma lembrança acre-doce,
Sentir o ontem como se agora fosse,
Num desafio aos ditames da ciência.
 
 
Se os momentos valem por uma vida inteira,
Se o que sentimos foi verdadeiro e profundo,
Se o que vivemos fez mais belo o nosso mundo,
Saudade chega como doce companheira.
 
 
Saudade, assim, com suas dores redimidas,
Recolhe as flores das lembranças tão queridas
Desabrochadas nos jardins da imaginação.
 
 
Espaço e tempo... a saudade desconhece!
É o milagre do amor que acontece
Pelos mistérios do país do coração.
 
 
Escrito para o Varal Poético - 08
GRUPO POESIAS E ATUALIDADES

Repasse com os devidos créditos
 


 

:| Home |:| Poesias da Lêda |:| Poesias de Luis Lêdo |:|



Envie esta Página para um Amigo(a)!
Clique na imagem abaixo.
CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!



Get a MIDI Plug-in

Sobreposição de Imagens: William Whitaker


|:| Poeta Parceiro |:|
 

 


Editada em: 10/06/2003