Lêda Mello

Amanhece.
O vai e vem
cadenciado
das ondas
despeja sobre as areias
um orgasmo tépido.
No horizonte,
a linha infinita
demarca dois mundos.
...Esvazia os pensamentos.
Ponto zero
de qualquer chegada
e partida.
Limite
do ontem e do hoje.


(Repasse com os devidos créditos)




|:| Home |:| Poesias da Lêda |:| Poesias de Luis Lêdo |:|



Envie esta Página para um Amigo(a)!
Clique na imagem abaixo.
CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!


Get a MIDI Plug-in

Sobreposição de Imagens: Webshots
 

|| Poeta Parceiro ||

 


Página editada em: 24/04/2003