Bruna Lombardi
 




Uma mulher caminha nua pelo quarto
é lenta como a luz daquela estrela
é tão secreta uma mulher que ao vê-la
nua no quarto pouco se sabe dela

a cor da pele, dos pêlos, o cabelo
o modo de pisar, algumas marcas
a curva arredondada de suas ancas
a parte onde a carne é mais branca

uma mulher é feita de mistérios
tudo se esconde: os sonhos, as axilas,
a vagina
ela envelhece e esconde uma menina
que permanece onde ela está agora

o homem que descobre uma mulher
será sempre o primeiro a ver a aurora.

(Repasse com os devidos créditos) 






*Laur@´s Poesias


Voltar para Poesias Eróticas 1


|| Home Page || Menu Principal || Menu das Poesias ||




Gostou desta Página?
Recomende para um Amigo!
CLIQUE NA IMAGEM PARA RECOMENDAR A PÁGINA!

 
Get a MIDI Plug-in

 


Webmaster & Design by Iraima Bagni / Imagem: Site Erótiiico
Copyright © 1999 *Laur@´s Poesias®. Todos os direitos reservados.
Editada em: 13/08/1999