(A) pêlo
Gueixa



Sente, Sente, Sente.
Minha vulva chama-te.
Tua ausência ela reclama.

Mantra, mantra, mantra.
Meu corpo todo canta.
A esperar por tua dança.

Mentes, mentes, mentes.
Se dizes que não queres.
O que teu falo clama.

Tantra, tantra, tantra.
Não há espírito que agüente.
Tanta ausência de repente...

Doente, doente, doente.
Ficarei totalmente exposta.

Se para meus apelos.
Tu não deres respostas.

Sonha, Sonha, sonha.
Com meu corpo em minha cama.
Vem, sente, toca, toma.

meu corpo todo em chamas!

( Repasse com os devidos créditos)

 








*Laur@´s Poesias



Voltar para Poesias Eróticas 1


|| Home Page || Menu Principal || Menu das Poesias ||






Gostou desta Página?
Recomende para um Amigo!
CLIQUE NA IMAGEM PARA RECOMENDAR A PÁGINA!


Get a MIDI Plug-in






Webmaster & Design by Iraima Bagni /Imagem:Site Erótico/ Copyright © 1999 *Laur@´s Poesias®.
Todos os direitos reservados.

Editada em: 13/11/1999